Promotores de Vaquejada se reuniram com Governo da PB


ABVAQ em 27/08/2016

 

Em importante reunião ocorrida no Parque de exposição Henrique Vieira, na capital Paraibana, donos de parques, presidentes de circuitos, o presidente da ABVAQ e o presidente da FEVAPB, firmam comprometimento com o governo do estado, junto à secretaria de Agropecuaria e pesca. Dr Rubens Tadeu de Araújo, gerente executivo representou a secretaria durante o acordo de avançar com o desenvolvimento do esporte no estado, no que diz respeito ao controle da defesa agropecuária e de bem estar animal, com a finalidade de enquadramento e fiscalização conforme normais estaduais e do ministério da agricultura.


Ficou acertado entre o representante do governo do estado e as entidades que a efetivação de um termo de compromisso para funcionamento e realização do evento vaquejada em todo o estado. Em um projeto bastante sustentável, as entidades teriam um prazo a ser ainda estipulado numa próxima reunião para a adequação das normais e exigências legais.


A Paraíba mais uma vez mostra nesse momento o seu comprometimento e disponibilidade para efetivação de um novo molde de fazer vaquejada, tudo dentro de um padrão exigido por lei e atendendo os requisitos ambientais exigidos. Ademais, no mesmo evento ficou acordado entre as entidades a criação de uma comissão permanente, que ficará responsável por dialogar e elaborar todas as modificações exigidas em nosso estado, sendo representado por Valter Papel (presidente da comissão), ladeada pelos membros Arthur Freire, André Burity, Lucas Cavalcante, Daniel Lira (PBQM), e mais um representante do sertão do estado, ainda não escolhido. Com essa ação, a Paraíba dá um grande passo para se tornar um modelo para todo o Nordeste.


Rubens Tadeu afirmou ser de ímpar importância a reunião. De acordo com o gerente da defesa agropecuária, "donos de parques têm muita responsabilidades nas mãos e nós do Governo do Estado estamos prontos para ajudá-los a se adequarem às normas do bem-estar animal para combater o mormo e a anemia infecciosa na Paraíba", disse.

teste